20 10 / 2014

theeyebrowsworld:

"Mrs. Draper! What the hell are you doing?"

theeyebrowsworld:

"Mrs. Draper! What the hell are you doing?"

20 10 / 2014

rollerquosters:

My Mad Men Collection. Quotes from one of my favest shows…
said mostly by my favest character Don Draper

He tells it like it is… and nails it like only he can… :D

20 10 / 2014

(Source: billmurrayfury)

19 10 / 2014

Bess McNeill: “I love you no matter what is in your head!”

Bess McNeill: “I love you no matter what is in your head!”

(Source: keyframedaily)

15 10 / 2014

15 10 / 2014

You’re born alone and you die alone and this world just drops a bunch of rules on top of you to make you forget those facts, but I never forget… I’m living like there’s no tomorrow, ‘cause there isn’t one.

(Source: roseivrs, via roseivrs)

15 10 / 2014


Change is neither bad nor good, it simply is.

Change is neither bad nor good, it simply is.

(Source: cchristina-hendricks)

09 10 / 2014

21 9 / 2014

"Porque a alegria ou a felicidade é para usar e deitar fora e não se fala mais nisso. Mas a tristeza é mais rentável e pode-se usar toda a vida. Histórias tristes e tabeladas nos seus motivos de entristecerem."

Vergílio Ferreira in Na Tua Face

08 9 / 2014

"Quando na nossa vida há uma destas catástrofes bruscas que são o derrocar total e incompreensível daquilo em que mais seguramente confiávamos - se resistimos ao primeiro embate… resistimos e vivemos. É sempre assim."

Mário de Sá-Carneiro in O Incesto

06 9 / 2014

The Sound of Music (1965)

(Source: subtubitles)

06 9 / 2014

"'But if your grandmother doesn't want you to meet me, you shouldn't do it behind her back!'
‘Everything’s allowed in love and war!’"

Anne Frank: The Diary of a Young Girl 

06 9 / 2014

"Séculos, eis pois o meu século, solitário e disforme, o réu. O meu cliente dilacera-se por suas próprias mãos: o que tomais por linfa branca é sangue: não glóbulos vermelhos - o réu está a morrer de fome. Mas eu vos direi o segredo desta perfuração múltipla: o século teria sido bom, se o homem não tivesse sido acossado pelo seu inimigo cruel, imemorial, pela espécie carnívora que tinha jurado a sua perda, pela besta sem pêlo e maligna - pelo homem. Um e um são um, eis o nosso mistério. (…)"

Jean-Paul Sartre in Os Sequestrados de Altona

04 9 / 2014

Onda que, enrolada, tornas,
Pequena, ao mar que te trouxe
E ao recuar te transtornas
Como se o mar nada fosse,

Por que é que levas contigo
Só a tua cessação,
E, ao voltar ao mar antigo,
Não levas meu coração?

Há tanto tempo que o tenho
Que me pesa de o sentir.
Leva-o no som sem tamanho
Com que te oiça fugir!

Fernando Pessoa in POESIA-III 1934-1935

03 9 / 2014

In Search of a Midnight Kiss (2007)

In Search of a Midnight Kiss (2007)

(Source: gifthescreen)